Musa é presa por envolvimento em lavagem de dinheiro

Publicado em

24 de
set

Autor:

nadilla cunha

11_52_42_474_file 11_52_42_474_file_002 11_52_42_649_file 11_52_42_706_file 11_52_42_892_file 11_52_42_941_fileNa semana passada, a operação Miquéias, da Polícia Federal, desarticulou um esquema de lavagem de dinheiro que movimentou R$ 300 milhões num período de um ano e meio e causou prejuízos de R$ 50 milhões a fundos de pensão municipais. Entre os 20 presos na operação, estaria a modelo Luciane Hoepers, que pode ser chamada de a Musa do Crime. A PF descobriu, enquanto investigava um escândalo de desvio de recursos de fundos de pensão de prefeituras e governos estaduais, que a quadrilha usava belas mulheres para se aproximar de políticos que pudessem ajudar no esquema fraudulento. Uma das mulheres usadas pela quadrilha era Luciane Hoepers. Ela é modelo e conseguia envolver os políticos com seus olhos claros e altura de 1,75 m.Além de modelo, Luciane também é atriz e participou de vários programas de televisão ,Ela também já foi eleita a musa do time de futebol Avaí, de Santa Catarin, Ela trabalhava como agente financeira do grupo Invista, operado pela quadrilha.Luciane estaria presa ao lado de outras 19 pessoas que participavam do esquema.estão os deputados goianos Samuel Belchior, Daniel Vilela e Leandro Vilela Os encontros foram todos documentados pela Polícia Federal por meio de fotos.

 
Deixe seu comentário!